quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

DESVENDANDO OS MITOS

Lembra quando apareciam umas manchas nas suas unhas e diziam que eram o número de mentiras que vc contava? Veja abaixo a explicação científica para o fenômeno!
Essas manchinhas vem e vão! Nossas unhas são estruturas muito importantes para nosso organismo, elas funcionam como um apoio e proteção contra o choque, e também guarda um grande quantidade de terminações nervosas ajudam a detectar situações de risco para as mãos como baixa ou alta temperatura e pressão de um objeto ou com esforço.

Nossas unhas são reflexos da atenção que damos a nossa saúde. E por isso é normal que tenhamos tanta preocupação em mantê-las saudáveis, brilhantes e limpas! No entanto, apesar do cuidado, muitas pessoas sofrem com o aparecimento inexplicável de manchas brancas em suas unhas, fato que causa desconforto não só, porque alteram a sua aparência, mas pela crença de que as manchas possam ser um sinal de doença grave.

Existem dezenas de mitos sobre o aparecimento espontâneo de manchas brancas nas unhas: presentes que estão por vir, mentiras e pecados cometidos, falta de nutrientes, comer maionese demais, falta de cálcio no organismo e por aí vai! A explicação científica é bem diferente. O termo médico que define esta condição é conhecida LEUCONÍQUIA e o surgimento se dá como o resultado de “micro-quebradinhos” que acontecem na base da unha (matriz), que favorecem a formação de pequenas bolsas de ar e então, surgem as manchas brancas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário