terça-feira, 14 de maio de 2013

Como diferenciar tartaruga, jabuti e cágado?



Existem diferenças entre esses animais que tem tudo a ver com o ambiente em que vivem ou seja, se o animal é aquático ou terrestre. Independente do habitat, tartarugas, jabutis e cágados são répteis pertencentes a ordem dos quelônios que já vivem na terra a mais de 200 milhões de anos. Existem características relacionadas ao formato do corpo, cascos, pescoços e patas que nos mostram essas diferenças.

Jabuti
É um animal exclusivamente terrestre. Dos três tipos de quelônio, o jabuti é ou único que não vive na água. O casco é bem mais alto e as patas traseiras tem formato cilíndrico parecidas com patas de elefante. No inverno costumam cavar buraco no chão para entrarem em letargo. Quando escondem a cabeça o pescoço é retraído verticalmente para dentro do casco. Nos machos o plastrão (parte ventral do casco) é côncavo o que facilita o procedimento da cópula, de modo que o macho possa encaixar-se sobre a fêmea. É um animal muito lento e pode demorar em torno de 5 horas para percorrer 1 km. Jabuti come de tudo, mas tem grande preferência por vegetais.

Cágado
Diferencia do jabuti principalmente por ser um quelônio de água doce e não terrestre. Já as diferenças em relação às tartarugas são sutis. Os cágados possuem casco mais achatado e têm o pescoço bem mais longo, as patas possuem dedos com membranas entre os dedos e a carapaça é delgada e hidrodinâmica o que facilita o nado. É comum vermos cágados descansando ao sol fora da água na margem dos rios, mas são animais muito ágeis na água e em alguns países são chamadas de “sliders”, pois elas deslizam na água ao menor sinal de perigo. Quando precisam esconder a cabeça, ela é dobrada lateralmente para dentro do casco. Os cágados são carnívoros, se alimentam principalmente de peixe.

Tartaruga
Existem tartarugas marinhas e de água doce. São bem semelhantes aos cágados, mas geralmente possuem as patas modificadas em forma de “remo” para que possam nadar com mais facilidade. Elas não possuem unhas e seu corpo é mais achatado facilitando, assim, seus movimentos dentro d’água e geralmente só vêm a terra colocar seus ovos. Ao contrário dos cágados, elas não dobram a cabeça para o lado quando querem esconde-la dentro do casco. Na natureza, se alimentam de moluscos, algas, crustáceos e peixes.
Fonte: Diário de Biologia, editado por: Cícero Lajes

Nenhum comentário:

Postar um comentário