segunda-feira, 9 de junho de 2014

NEM TUDO QUE CAI NA REDE É PEIXE - FOTOS DE ARANHA COMENDO BORBOLETA

 Um dos lugares que mais gosto de estar é o quintal de minha casa, também pudera: ele me proporciona imagens que passam despercebidas em diversos quintais, isso porque cada pessoa tem seu modo de enxergar as coisas tanto em uma visão macro como micro. Nessa seleção do que é realmente interessante para nós deixamos escapar detalhes que a fotografia, o vídeo ou até mesmo o áudio, tem o poder de nos fazer retornar ao passado, coisa que a memória também faz mas com suas falhas as vezes irreversíveis: uma delas é o esquecimento, a outra é a perca da realidade.   
 Há alguns dias observando o comportamento de aranhas e borboletas em meu quintal, hoje testemunhei a mais intrínseca relação entre ambas: a cadeia alimentar, presa e predador, fim da vida para uns e continuação para outros e assim se dar a renovação da seleção natural. No caso das aranhas,  nem tudo que cai na rede é peixe.
30 minutos foram suficiente para a imobilização da borboleta e a ingestão da mesa pela aranha. A próxima que grudar na teia ela enrolará para comer depois que fizer a digestão desta que acabara de engolir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário