quarta-feira, 25 de março de 2015

FAZENDO MUDAS DE PLANTAS NATIVIVAS


Observando em minhas fotos de anos anteriores uma perda de vegetação natural muito avançado em Lajes, me despertou a curiosidade saber se era possível fazer mudas de plantas nativas. Iniciei minha pesquisa com 3 sementes de catingueira e consegui germinar uma em abril de 2014, hoje resolvi fotografar novamente a planta e postar para vocês a evolução da mesma. Observe três fotos abaixo.
 Como adubo usei: decomposição de madeira, casca de frutas e legumes e um pouco de pó de café, pois dizem combater formigas; como solo misturei areia de rio com o barro cabeça de gato, muito comum na caatinga; aguava a planta com 2 litros de água por semana. Já tentei germinar sementes de mufumbo mas não consegui; a umburana é uma das mais fáceis de fazer mudas, pois basta um pequeno pedaço de galho plantado que ele brota folhas rapidinho.
 Caso eu queira que a planta cresça mais rápido e mais verde, devo continuar o processo, mas agora que chegou um período de chuvas, a própria natureza faz isso. Nesse estágio a planta já suporta os meses em que a caatinga fica sem chuva. Hoje continuei o experimento com sementes de: catingueira, mulungu, jurema preta, quixabeira e uma semente que colhi na Serra do Feiticeiro, mas não conheço a espécie.Minha ideia é fazer em uma grande escala recompor a mata ciliar dos riachos próximos de olhos d'água.

3 comentários:

  1. Faço um trabalho parecido com o seu, já tenho mudas de Pau Brasil, Amescla de cheiro. Estou coletando sementes nativas de minha região.

    ResponderExcluir