sexta-feira, 8 de novembro de 2013

DESVENDANDO A ARTE RUPESTRE DE SANTA ROSA, LAJES RN

Na expedição com o grupo Onça Pintada, nós dos Trilheiros da Caatinga, tivemos mais esclarecimentos sobre as pinturas rupestres de Santa Rosa. O pessoal do grupo não é especialista no assunto mas tem  bons conhecimentos na área e, nos repassou o que sabiam.

1º Há pelo menos duas tradições no local: Itacoatira, caracterizada por desenhos raspados nas rochas e difíceis de decifrar; Agreste, desenhos pintados geralmente com uma pigmentação vermelha, retrata figuras mais reais embora toscas como animais e humanos.

2º Os povos representados pelas duas tradições observadas, podem ter coexistido no mesmo período sem necessariamente ter habitado o mesmo local.

3º Também é característico dos povos, fazer suas representações rupestres sobre outras, mostrando assim uma rivalidade ou predomínio da mesma. 

4º  Geralmente essas duas culturas são encontradas em cursos d'água em leitos de rios, como é o caso de Santa Rosa. Isso faz o grupo supor que devido o grande volume de areia no local: "ainda haja mais gravuras no local abaixo da superfície de areia."

5º Segundo uma pesquisa de Alice Aguiar, Universidade Federal de Pernambuco: "como é sabido a Tradição Itacoatiara é difundida em todo o Brasil, porém não é possível que toda gravura em cursos d'água pertençam a mesma tradição." (Gravuras Rupestres em Iati, Pernambuco, página 116) Fonte:http://www.ufpe.br/clioarq/images/documentos/1989-N5/1989a12.pdf 

6º Apesar de haver distições entre as gravuras pintadas de vermelho  e as raspadas nas rochas, até mesmo um especialista tem dificuldades em afirmar que trata-se de duas tradições ou de uma mesma que evoluiu. A Mesma Alice Aguiar, chama a atenção para uma possível correspondência entre as duas Tradições: Agreste e Itacoatiara
Algumas figuras alternam-se entre formas indefinidas como a que vimos acima e abaixo, e outras formas mais definidas/claras, como a figura que representa uma mão bem destacada do corpo e em maior tamanho.
 A gravura abaixo pode representar o curso d'água, uma das características das Tradições Itacoatiara e Agreste.
A figura abaixo é enigmática, segundo nossos amigos do Grupo Onça Pintada: "A Tradição Itacoatiara não costuma representar coisas concretas para nós leigos." No entanto vemos uma gravura como se representasse uma família de mãos dadas.
 O desenho abaixo pode ser uma representação de algum exemplar da nossa mega fauna, extinta há milhares de anos. Chama atenção também, o fato dele não ser raspado na rocha e sim pintado.
 

Um comentário: