sábado, 28 de novembro de 2015

FLASHES DO 2º DIA DO I FESTIVAL LITERÁRIO DE LAJES (FLILAJES) - SEXTA À NOITE


Nesta sexta, 27/11/2015, aconteceu a 2ª noite do I Festival Literário de Lajes, na qual tivemos a 2ª Mesa Literária tendo como tema Alzira Soriano "História, Política e Literatura", oradores: antropólogo João Cortez e o pesquisador e jornalista Múcio Procópio; como mediadores a historiadora Karina Souza que fez sua monografia baseada em Alzira e a vice diretora do Pedro II Nevonice. Ainda tivemos a apresentação do pastoril com  "dança da lapinha" fazendo um resgate histórico cultural em homenagem a Carmelita Cabral. Também houve a exibição de documentários locais e o lançamento do curta local "A Odisseia de Ícaro".

Na Mesa literária os dois convidados expuseram parte de suas pesquisas relacionadas a Alzira, primeira prefeita da América Latina, também relacionaram alguns fatos contemporâneos a sua gestão, mencionaram sua personalidade, sua ligação política com o então governador Juvenal Lamartine, trouxeram alguns fatos novos como suas desavenças políticas, abordaram a caracterização da mulher numa área e espaço hegemonicamente masculino como eram a política e sociedade da época. Em suas considerações finais depois de ter respondido alguns questionamentos relacionados ao tema, o pesquisador Múcio Procópio falou que tinha houvido falar que o prédio da antiga estação ferroviária se tornaria um museu em homenagem a Alzira Soriano e ficaria contente se o mesmo acontecesse; o antropólogo João Cortez encerrou dizendo que Lajes tem uma dívida com Alzira e falou da necessidade de uma homenagem justa a este ícone da política, sugerindo uma placa ou pórtico com a afirmação "Aqui viveu (administrou, morou...) a primeira prefeita da América Latina: Alzira Soriano".

Acima: o antropólogo João Cortez expõe parte de sua pesquisa sobre Alzira Soriano, ao lado apresentação do pastoril.

Abaixo: plateia assiste ao pastoril

Exibição de documentários e curtas locais, em destaque nas fotos: trem parado na estação, inauguração da Estação Ferroviária Sampaio Correia, falas do agente cultural Leal e do Doutor Múcio Procópio.

Abaixo o jornalista lajense Cauê Fernandes apresenta seu trabalho jornalístico com matérias feitas em Lajes e exibida pela TVU RN e a TV Brasil no programa Tela Rural.

Nenhum comentário:

Postar um comentário